fbpx

Relações humanas nas redes sociais: a personalidade que gera autoridade

Por Rogério Novaes

Em pleno 2021 os desafios do ser humano em relação aos seus semelhantes ainda geram mais perguntas do que respostas. Avançamos em tecnologia, ciência e saúde, mas ainda somos aprendizes no trato com as subjetividades das pessoas.

Estamos vivendo na era da inteligência artificial, robótica e aéreo-espacial, mas não estamos sendo inteligentes a ponto perceber que a evolução precisa ser muito mais na essência, no íntimo de cada um de nós.

Com a crescente da internet das coisas, e a dependência de validação da nossa imagem pelos seguidores de nossas redes sociais, o individuo de nosso tempo não suporta pensar que não possui plateia e audiência em seu Instagram e facebook por exemplo. É quase uma heresia não comentar, curtir e postar sua vida, sua rotina e/ou acontecimentos cotidianos.

Existe uma imensa necessidade de relações humanas online no mundo em que vivemos, e isso também contaminou nosso cotidiano profissional. Aja vista o imenso uso da plataforma Linkedin que se consolidou como uma rede social com foco no mercado de trabalho e assuntos de mercado.

Organizações aprenderam a estimular pessoas, clientes e público em geral a acompanharem suas redes e postagens com intuito de criar uma relação de aproximação ao seu produto ou serviço, e com isso obter como recompensa uma certa autoridade e admiração do consumidor.

Saber atuar com assertividade na comunicação online, ajudar seu público a tomar decisões de compra, ou cativa-lo com conteúdo de valor, criam uma vantagem competitiva a organização e isso é para poucos no imenso universo digital.

Muitas empresas já viram suas marcas e produtos se dissolverem por tal falta de habilidade com as relações humanas nas redes sociais. A criação de uma personalidade de respeito, que possa criar engajamento e influência só pode ser obtida com muito estudo de mercado, planejamento estratégico, foco na inovação e respeito ao consumidor.

O primeiro passo para uma relação comercial de sucesso é a busca do aperfeiçoamento da personalidade da empresa. Sair da zona de conforto, e se colocar na frente dos desafios e desenvolver uma imagem agradável e acolhedora não é tarefa das mais fáceis. O ser humano não gosta de se sentir ameaçado, (quero dizer, o empresário ou empreendedor), e no primeiro encontro com alguma situação ameaçadora, quase sempre se quer fugir do problema, ou fingir que aquilo não é com a empresa dele, ou que não há obrigação de resolver aquilo, pois o foco é produzir e vender, e não bajular seu cliente ou público. Não se trata de bajulação, e sim de engajamento, criação de uma autoimagem forte, robusta e que apresenta conceitos de humanização e apelo social.

Percebe-se que para gerar resultados e ser uma empresa admirada, não basta pensar e querer, precisa se especializar e evoluir no quesito comportamental, social e cultural.  A famosa questão do ser, ter e fazer é colocada a prova todos os dias. Há uma velha máxima que diz:

“Não queira ser famoso(a), queira ser importante para alguém”.

Relacionei dez itens para este tópico, que julgo relevante para a construção da personalidade agradável nas redes sociais.

São eles:

  1. Valorize as pessoas e suas subjetividades em suas campanhas publicitárias. Procure se atualizar quanto a questões étnicas, de diversidade cultural e de causas humanitárias. O mundo precisa de inclusão e respeito.
  2. Ter sempre uma comunicação perene e de forte engajamento com as principais temáticas que envolvem seu produto, serviço nas redes sociais é fundamental.
  3. Crie um posicionamento nas redes sociais baseados na empatia, energia positiva e compromisso com as pessoas, isso faz muita diferença.
  4. Deixe de ser analógico e cartesiano demais. Recrie sua marca, remodele seu portfólio atualizando a linguagem corporativa e se aproximando de novos públicos.
  5. Preste atenção aos detalhes: dê a devida atenção nas estratégias de impulsionamento de suas campanhas.
  6. Dê valor a causas e momentos especiais do nosso cotidiano e faça isso com sinceridade nas suas campanhas e postagens.
  7. Diga algo em suas publicações que agregue valor para vida das pessoas.
  8. Dê ouvidos as vozes da internet. Aprenda a criar o hábito de ler os comentários de seus clientes atentamente. Dali pode nascer uma melhoria contínua ou uma inovação.
  9. Pare de tentar ignorar o novo e as novas tendências. Inove já!
  10. Deixe de ser saudosista e comece a aceitar o novo, pois ele sempre vem!

Com essas premissas, sua empresa passará ter uma performance positiva em relações humanas nas redes socias, tornando-se mais eficiente e assertiva, atraindo mais engajamento e admiração, construindo uma personalidade mais agradável.

Dica:

Procure monitorar suas relações com o seu público pelas redes sociais e plataformas digitais. Comece a aplicar as dez regrinhas da personalidade agradável digital, e perceba a reação de seus seguidores. É dentro da sociedade que temos um mundo particular cheio de desafios, e nele devemos investir em estratégias, comunicação e atenção, pois a guerra lá fora é dura. Sempre vence quem tem mais para agregar e cativar.

Lembre-se que estamos na era da inteligência emocional. O que você está esperando para ter uma empresa agradável aos olhos dos internautas?

Sugestão para leitura:

“Inteligência Social: o poder das relações humanas”, de Daniel Goleman. Editora: Campus Elsevier.

Pense nisso!

Se sua empresa ou negócio está precisando de uma orientação série e precisa sobre branding digital ou posicionamento estratégico junto a internet, venha conversar com o nosso time de criativos da CAMAZO PUBLICIDADE.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
O perfil empresarial ou de uma pessoa podem ser muito bem valorizadas mediante a internet, principalmente junto as redes sociais, estimulando interesse de muitos empresários quando se trata de praticar gestão de imagem, ou estratégias de branding. Buscar uma autoridade, um poder de influência e persuasão, de valor autêntico, são com certeza o desejo de muitos que buscam o sucesso.
A proposta deste artigo encontrar o equilíbrio, ou seja, ajudar você e sua empresa a incluir o vídeo marketing na sua produção de conteúdo digital e usá-lo em suas estratégias de comunicação. Quer saber como fazer isso? Veja tudo que você precisa saber para dominar o vídeo marketing e não ficar de fora de uma das principais tendências de conteúdo empresarial.
Defina seu público alvo
PRODUTOS DIGITAIS
Marketing Sustentável
VÍDEOS CURTOS O QUE ESPERAR?

Nosso blog

Receba conteúdo sobre o mercado e atualizações da Camazo.

Fale com a gente

Precisando de uma agência de Marketing Digital para criar estratégias personalizadas?

Contato

(19)3833-4099

contato@camazo.com.br

Rua Treze de Maio, 168 – Vila Bressani, Paulínia – SP